Edital do concurso do IBGE sai no próximo dia 20 de setembro

O edital do concurso do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) para 3 mil vagas temporárias será lançado até sexta-feira, 20 de setembro. A previsão foi passada pelo coordenador de Recursos Humanos do órgão, Bruno Malheiros, ao site Folha Dirigida.

O próximo edital do concurso do IBGE será organizado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). O extrato de dispensa de licitação que confirma a banca foi publicado no Diário Oficial da União.

O processo de escolha da banca organizadora foi iniciado em julho. A princípio, o nome da banca vencedora estava previsto para ser divulgado em agosto, mas devido a problemas no pregão e recursos de companhias participantes da licitação, o anúncio sofreu atrasos, sendo divulgado nesta semana.

O primeiro concurso será divulgado com mais de 3 mil vagas, distribuídas entre os cargos de agente censitário operacional e coordenador censitário de subárea. Este será o primeiro edital do IBGE das mais de 234 mil vagas temporárias autorizadas. Os profissionais vão atuar no Censo Demográfico 2020.

As oportunidades do cargo de coordenador censitário de subárea serão para vários municípios do país e as de agente censitário para todas as capitais. A portaria autorizativa, publicada em maio, indica que os dois cargos reúnem 3.210 vagas. Os salários chegam a R$1.800 para agente e R$4.000 para coordenador.

Agora, com a divulgação da banca organizadora, o próximo passo deve ser a publicação do extrato de contrato entre as partes. Após esta etapa, o edital poderá ser divulgado.

De acordo com a portaria de autorização do certame, publicada no Diário Oficial da União, serão liberadas nada menos que 234.416 vagas para candidatos de todos os níveis de escolaridade (fundamental, médio e superior).

Na portaria de autorização, foi informado que o prazo para publicação do edital de abertura de inscrições do concurso IBGE será de até 6 (seis) meses, contado a partir da publicação da portaria, ou seja, até 06 de novembro. No entanto, a portaria autorizativa foi retificada, conforme documento publicado no Diário Oficial da União do dia 13 de agosto.

De acordo com o texto, assinado pelo secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, Paulo Uebel, todos os editais previstos para esta seleção devem sair até maio de 2020.

O concurso vai ser divulgado em vários editais, conforme informou o coordenador de Recursos Humanos do IBGE, Bruno Malheiros, ao site Folha Dirigida. De acordo com ele, o primeiro edital vai contar com vagas para nível médio, nos cargos de agente censitário operacional e coordenador censitário de subárea. O projeto básico desse concurso já está sendo finalizado para a escolha da banca organizadora.

De acordo com o documento autorizativo, os profissionais poderão ser contratados para atuarem no Censo. O prazo de duração dos contratos deverá ser de até 1 (um) ano, prorrogável, desde que a prorrogação seja devidamente justificada com base nas necessidades de conclusão das atividades do Censo.

O último concurso para o Censo Demográfico do IBGE foi divulgado em 2010. Na ocasião, o salário foi de R$2.058 para os agentes censitários e supervisores; R$2.158 para o cargo de agente de informática; R$2.358 para agentes municipais; R$1.958 para agentes administrativos; e R$2.958 para agentes regionais.

Na ocasião, as vagas foram para nível fundamental e médio.