Estrela vence o Botafogo em jogo-treino no China Park

Em 1961, quando o Estrela enfrentou o Botafogo no Estádio do Sumaré, em Cachoeiro, na última vez que as duas equipes tinham se enfrentado na história, o Alvinegro Cachoeirense perdeu a partida por 6 a 2, com um show do craque Garrincha.

Mas 59 anos depois, as duas equipes voltaram a se enfrentar, num jogo encarado pelo Botafogo como apenas um treino, mas para o Gigante do Sumaré foi mais do que isso, foi hora de mostrar para a torcida estrelense que o Estrela está focado para fazer bonito e buscar o título Capixaba de 2020. A partida aconteceu na tarde desta sexta-feira no Hotel Fazenda China Park, na cidade de Domingos Martins, região serrana do Espírito Santo.

Esta vontade de estar em campo fez com que o Estrela conseguisse o que poucos acreditavam, uma vitória por 1 a 0, com gol do meia-atacante Henrique, ainda no primeiro tempo, que selou uma vitória contra um gigante do futebol brasileiro. O Botafogo jogou com um time em cada tempo.

Em 1961, quando o Estrela enfrentou o Botafogo no Estádio do Sumaré, em Cachoeiro, na última vez que as duas equipes tinham se enfrentado na história, o Alvinegro Cachoeirense perdeu a partida por 6 a 2, com um show do craque Garrincha.

Mas 59 anos depois, as duas equipes voltaram a se enfrentar, num jogo encarado pelo Botafogo como apenas um treino, mas para o Gigante do Sumaré foi mais do que isso, foi hora de mostrar para a torcida estrelense que o Estrela está focado para fazer bonito e buscar o título Capixaba de 2020. A partida aconteceu na tarde desta sexta-feira no Hotel Fazenda China Park, na cidade de Domingos Martins, região serrana do Espírito Santo.

Esta vontade de estar em campo fez com que o Estrela conseguisse o que poucos acreditavam, uma vitória por 1 a 0, com gol do meia-atacante Henrique, ainda no primeiro tempo, que selou uma vitória contra um gigante do futebol brasileiro. O Botafogo jogou com um time em cada tempo.Leia mais:  Jogos de Praia das Escolas começam neste sábado (23)

O resultado, apesar de não ser uma partida oficial, entra para a história do Estrela, e coloca no coração do torcedor o sentimento de paixão pelo time, que começou a temporada deste ano de forma planejada, para que a equipe possa estrear no Capixabão, dia 28 deste mês, com um Sumaré lotado, na partida contra a Desportiva.

Faltam 11 dias para a estreia do Estrela no Campeonato Estadual. O clube vem agradando aos torcedores, críticos e a imprensa esportiva cachoeirense, que, pela primeira vez, vê um trabalho de marketing e bastidor voltado para a participação da equipe no Capixabão.

O destaque destas ações para fortalecer o Estrela do Norte é o programa de Sócio-torcedor, que já alcançou a marca de 300 associados em pouco de mais um mês, além da busca de parceiros e patrocinadores fortes, que estampam suas marcas na camisa do time de maior torcida do Estado.

Atenção torcida estrelense e demais cachoeirenses amantes do futebol, no dia 28, uma terça-feira, às 20h00, é dia de lotar o Estádio Mário Monteiro, o Sumaré, para empurrar o Estrela em busca da primeira vitória no Capixabão. Nas redes sociais, torcedores lançaram a #4milnosumaré, com o intuito de fazer o torcedor ir ao campo e prestigiar o time da cidade.

O primeiro passo do ano foi dado. O Glorioso Botafogo já viu que glorioso mesmo é o Estrela, e vai voltar para o Rio de Janeiro com a estrela cachoeirense carimbada em sua camisa. Mas isso é passado para os estrelenses, que já pensam e se preparam para o objetivo do ano: vencer o Capixabão e sagrar-se bicampeão.

Para cima deles, Estrela do Norte!