Prefeito de Muqui autoriza reabertura provisória do comércio

Prefeito do município, Renato Prúcoli justifica que a economia local é pequena e depende dos pagamentos dos servidores públicos

O prefeito de Muqui, Renato Prúcoli, decretou a abertura provisória do comércio no município sulino nesta sexta-feira (27). Os comerciantes poderão abrir na segunda-feira (30) e fechar na quinta (02). Ele diz que não é contrário ao decreto estadual, que impede a abertura das empresas, mas justifica que a economia local é pequena e depende dos pagamentos dos servidores públicos.

Segundo Prúcoli, a medida foi tomada após negociação com os pequenos comerciantes. “Os maiores empregadores de nosso município são a prefeitura e o Estado. Muitos comerciantes dependem desses pagamentos. São comerciantes à moda antiga, que possuem anotações das dívidas em cadernetas. A abertura é provisória, atinge no máximo 15 comércios e será para que recebam as dívidas deste público”, justificou o prefeito.

O prefeito informou ainda que o horário de funcionamento será de 8h às 16h e fiscais da prefeitura monitorarão se as medidas de higiene e segurança sanitária, orientadas pelos órgãos de saúde, serão cumpridas.

O prefeito alega que não é contrário ao decreto estadual, que prevê o fechamento do comércio por mais uma semana. “Não estou liberando o comércio. É uma medida provisória para que haja esse pagamento. Eles precisam pagar seus funcionários. Depois, volta a determinação do governo. Não estou indo de encontro ao Estado. Não temos casos suspeitos no município e estamos tomando todas as medias de segurança”, disse Renato Prúcoli.