Vítima fatal da covid-19 no ES era hipertenso e obeso

A vítima era um homem de 57 anos , morador da Serra, que estava internado no Hospital Jayme Santos Neves desde o dia 24 de março. Ele morreu na noite desta quarta-feira (1)

A primeira vítima fatal do Novo Coronavírus no Espírito Santo era hipertenso e obeso. A informação foi divulgada durante coletiva da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) realizada na manhã desta quinta-feira (2). O paciente morreu às 22h55 de quarta-feira (1). 

A hipertensão e a obesidade são fatores de risco da doença, como lembrou a diretora técnica do Hospital Dr. Jayme dos Santos Neves, Juliana Tavares. “Apesar desses fatores de risco, a família informou que o paciente era uma pessoa na ativa. Porém, o quadro se agravou significamente”. 

A vítima era um homem de 57 anos , morador da Serra, e estava internado no Hospital Jayme Santos Neves desde o dia 24 de março. Segundo a equipe da Sesa, o paciente deu entrada no hospital devido a um quadro de síndrome gripal que evoluiu para uma síndrome respiratória grave.

De acordo com Juliana, o paciente procurou o pronto-socorro da unidade no dia 24 de março, pois estava gripado desde o dia 18 de março. “Ele já estava com febre e, no mesmo dia, o quadro evoluiu, ele precisou ser entubado e passou a receber ventilação mecânica. Nessa mesma data, foi colhida a amostra para o teste e, no dia 26, já sabíamos que tratava-se de um caso positivo”.

O quadro do paciente evoluiu com bastante gravidade desde o início, como explicou Juliana. Em nenhum momento ele apresentou melhora. Na ocasião, o subsecretário de Vigilância em Saúde, Luiz Carlos Reblin, o paciente foi contaminado em uma transmissão comunitária. “Ele participou de uma determinada atividade em um grupo de pessoas. Por isso, é tão importante manter o isolamento”.