Casal de idosos curados da Covid-19 em SC se reencontra após ficar um mês separados para tratamento

Desde que deixaram o hospital, Maria Elisia de Souza, de 72 anos, e Affonso Ceolin, de 89 anos, moraram temporariamente em locais diferentes por orientação da família.

Após passarem 32 dias longe um do outro, o casal Maria Elisia de Souza, de 72 anos, e Affonso Ceolin, de 89 anos, que se recuperou da Covid-19, se reencontrou em Tubarão, no Sul catarinense. O retorno para a casa onde vivem juntos há 20 anos ocorreu segunda-feira (4).

Eles tinham se visto pela última vez no dia 1º de abril, quando Affonso foi internado no Hospital Nossa Senhora da Conceição. Enquanto ele permanecia em tratamento, dona Maria também precisou ser internada após contrair a doença.

Desde que saíram do hospital, a família orientou que eles morassem em locais diferentes por um tempo. A filha de Affonso, Sirlene Thizon Ceolin, explica que o casal não precisaria ficar isolado de ninguém após receberem alta, mas que a decisão foi tomada porque a madrasta deixou o hospital ainda debilitada.

Maria voltou para a casa onde morava com o companheiro e ficou sob os cuidados do filho, e Affonso foi morar temporariamente com uma das filhas. Com Maria recuperada, Sirlene conta que o pai e a madrasta voltaram a morar juntos.