DEM confirma Norma Ayub e Dr. Jander na corrida pela Prefeitura de Marataízes

A convenção do Democratas de Marataízes, realizada neste sábado (5), confirmou Norma Ayub como candidata a prefeita, e dr. Jander Nunes Vidal para vice. A coligação 25, “Vamos Resgatar o Brilho da Pérola” é composta pelos partidos Democratas, PSD, PSB, PV e PP. O evento contou com a presença dos deputados estaduais Theodorico Ferraço e dr. Emílio Mameri, da deputada federal Dra. Soraya Manato, do prefeito de Guarapari, Édson Magalhães, do pré-candidato a prefeito de Itapemirim dr. Antônio Rocha.

Também participaram de forma virtual, o presidente nacional do Democratas e prefeito de Salvador, ACM Neto, a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, o ministro da Cidadania Onyx Lorenzoni, as deputadas federais Lauriete e Professora Dorinha, e o coordenador da bancada capixaba, deputado federal Da Vitória, todos registrando seu apoio à candidatura de Norma.

A deputada federal, agora oficializada como candidata a prefeita de Marataízes, abordou em seu discurso a necessidade de trabalhar pela geração de emprego e renda, o fortalecimento do turismo para que ele seja explorado o ano todo, não apenas no verão, e destacando ainda desejar alavancar a economia do Município, ouvindo os comerciantes, e junto com os servidores efetivos avaliar a real situação fiscal do município. Em sua fala, destacou: “Temos um grande potencial agrícola aqui em Marataízes, em especial ligado ao abacaxi e a cana-de-açúcar, e muitas necessidades também no setor pesqueiro. Já levei ao conhecimento da Ministra da Agricultura, e fico muito feliz em saber que posso contar com o apoio do seu Ministério para transformarmos Marataízes,” frisou Norma Ayub.

Norma agradeceu o apelo popular que sempre recebeu, sendo o divisor de águas na sua decisão de colocar seu nome à disposição da população, e recordou uma fala do saudoso prof. Zé Rubens, que em certa ocasião disse: “quem quer Norma para Marataízes não é a Norma, é o povo”. A convenção realizada no Cerimonial Via Sul seguiu todos os protocolos sanitários devido à covid-19, inclusive o número de participantes foi limitada para garantir a segurança ao público presente, sendo feito uma homenagem na abertura da solenidade, com um minuto de silêncio em respeito às famílias enlutadas pelas vítimas do coronavírus.