COVID-19: Governador Casagrande disponibiliza 30 leitos de UTI para pacientes do Amazonas

Segundo o governador Renato Casagrande, o Estado possui condições de atender esses pacientes a partir desta madrugada

O Espírito Santo vai disponibilizar 30 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para atender pacientes do Amazonas infectados com o novo coronavírus. A informação foi divulgada, na tarde desta quinta-feira (14), pelo governador Renato Casagrande, em sua conta no Twitter.

Segundo o governador, o Estado possui condições de atender esses pacientes a partir desta madrugada. “O momento exige solidariedade e união dos Estados em prol das vidas humanas”, postou Casagrande.

O estado do Amazonas vive uma grave crise em seu sistema de saúde, em virtude da alta ocupação dos leitos para tratamento dos pacientes infectados com a covid-19. Por causa disso, o governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), anunciou nesta quinta-feira (14) algumas ações para tentar amenizar a situação. 

Uma dessas medidas é a suspensão do transporte coletivo de passageiros em rodovias e rios. Também foi determinado toque de recolher nas ruas, em todo o estado, no período entre as 19h e 6h. Além disso, o governo amazonense incluiu o plano de abastecimento de oxigênio para as unidades hospitalares e a remoção de pacientes para hospitais de outros estados.

O Amazonas iniciou a transferência de pacientes para unidades hospitalares de cinco estados. Para isso, além do translado desses pacientes, o governo estadual montou um grupo de apoio psicossocial para pacientes e familiares.

As ações são resultado de uma reunião com representantes do Comitê de Resposta Rápida – Enfrentamento Covid-19, composto pelos governos estadual, federal e municipal, após piora do quadro epidemiológico da covid-19 no Amazonas. Segundo Wilson Lima, a ampliação das medidas de restrição visa a proteção da vida das pessoas.